É normal chorar ao escutar um mantra?


Por que algumas pessoas choram ao escutar um mantra?


Ao utilizarmos um mantra como aliado no processo de desenvolvimento da mediunidade, despertar espiritual, expansão da consciência, aflorar intuição e limpeza espiritual é absolutamente normal que a gente chore que aconteçam sonhos reveladores ou pesadelos que num primeiro momento deixam aquela sensação de que não devemos continuar a escutá-los. Normal porque cada pessoa tem sua experiência particular e intransferível, mas é claro que ao acontecer isso precisamos dá uma atenção especial verificando a recorrência desses ou de outros sintomas nas próximas vezes que escutarmos e ou recitarmos um mantra especificamente. 

Dificilmente você irá ter sua primeira experiência sexual, se apaixonar, casar, ter filhos, um diploma entre outras coisas no mesmo momento que sua amiga, irmão, ou vizinho, então porque o despertar espiritual será no mesmo momento e da mesma maneira, entende? Cada pessoa terá que descobrir seu caminho, há quem se encontre numa igreja, assim como terá aqueles que se encontrarão num terreiro ou numa sinagoga e está tudo bem. De algum modo você que chegou até aqui foi por ter sentido afinidade com o mundo cigano, certo? A espiritualidade não está presente em uma só vertente, somos iguais e ao mesmo tempo diferentes, temos gostos distintos e é normal que a gente pare para ouvir aquilo que vem do que chama nossa atenção. Mas o que isso tem haver com escutar um mantra? Tudo, pois do mesmo modo que choramos ao escutar um mantra outras pessoas sorriem e a explicação para isso é justamente que estamos em momentos diferentes, vencendo questões distintas, enfrentando forças invisíveis adquiridas de karmas ou mesmo nativas de situações onde mesmo indiretamente e sem pretensão despertamos em outrem sentimentos de baixa vibração. Embora em prol do mesmo objetivo ao escutar um mantra estamos vulneráveis de modo particular. 

Mantra
O normal dentro do contexto apresentado nesse texto, não pode ser desconsiderado, porque ele nada mais é que uma forma de nosso corpo mostrar que a ferida que nossos olhos físicos não podem enxergar foi cutucada. Muitas pessoas têm bloqueios oriundos até mesmo na infância que foram carregados pra vida adulta sem nenhum cuidado e os mantras tem a capacidade de desnudar isso, de trazer para o periférico o que estava guardado a sete chaves. Todo mundo em algum momento dessa existência tem ou teve uma dor que optou por guardar, mas que não resolveu e isso cedo ou mais tarde vêm á tona. 

Através das doenças psicossomáticas manifestamos fisicamente nossas tensões emocionais, por exemplo, há pessoas que ao encontrar um desafeto sentem um nó na garganta, sensação de enjoo, tremedeira e ficam paralisadas por esses sintomas por dias e dias... Supondo que esta num dia tranquilo escute um mantra que toque nessa ferida irá sentir a mesma coisa até que a mesma relaxe silencie a mente e deixe o mantra fazer seu papel. Vale lembrar sempre que esse é um método alternativo que deve ser aliado ao que seu médico convencional passou. Esse recorte a respeito do transtorno de somatização é pra deixar claro que nada deve ser descartável quando o assunto é nosso bem estar: o físico, o emocional e o espiritual devem ser cuidados. No fim entendemos que a união faz a força, não é só o remédio, não é apenas o exercício físico, não é o mantra, mas sim a união de todos os cuidados em prol da nossa qualidade vida. 

Agora espiritualmente falando sobre alguns sintomas que podemos notar ao escutarmos um mantra a verdade é que há forças contrárias agindo contra nosso despertar espiritual e por isso devemos ser persistentes nos cuidados que sabemos que em nada nos prejudicam. Quando falo de cuidado isso abrange até mesmo ir fazer uma caminhada pela manhã afinal quem nunca procrastinou algo que deveria fazer? Os exercícios físicos mesmo feitos corretamente causam dor, cansaço e consequentemente nos levam a querer desistir, sim é muito mais fácil deitar e assistir um filme, mas isso também tem consequências que a logo prazo sentiremos em nossa saúde e nesse momento temos a escolha de continuarmos deitado ou levantarmos a encontro do equilíbrio. Antes de “culpar” um mantra por algum sintoma avalie seu dia como um todo: que tipo de conteúdo leu ou assistiu? Como foi sua alimentação? Que tipo de palavras proferiu? Que lugar frequentou? Que tipo de sentimentos tem nutrido? Relacionar uma dor física a um mantra requer análise responsável do seu comportamento no cotidiano.

Antes de escutar um mantra leia sobre ele, encare como uma viagem que antes de escolhermos o destino pesquisamos sobre. Há mantras que não é aconselhado escutar quando estamos dirigindo, pois tem como ação principal o relaxamento profundo tornando-se um perigo caso seja usado no trânsito, mantras que têm como benefício quebra de demandas precisam ser escutados em casa ou num ambiente de inteira confiança preferencialmente com alguém por perto, porque é esperado que a pessoa apresente algum sintoma, por exemplo, fraqueza, sensação de desmaio etc. Quando algo é difundido por pessoas sem preparo e sem cuidado tende a ser banalizado, o mantra aparece pra você através de uma rede social você escuta sem mesmo saber pra que serve ou mesmo sem lê a respeito e ai as “consequências” são imprevisíveis pois cada pessoa está num momento emocional. É muito comum quem nunca ouviu um mantra ao começar se empolgar e escutar vários num só dia, mas não recomendo o ideal é que a pessoa escolha um, leia sobre e só assim comece. 

Sabemos energeticamente falando que há lugares densos que frequentamos até mesmo por questões de trabalho, há pessoas negativas que convivemos por necessidade e tudo isso mesmo sem nossa intenção direta refletem em nossa vida sentimentos que muitas vezes transforma-se em fobias, ansiedade e uma infinidade de doenças emocionais. Os mantras blindam nossa aura dessas egrégoras carregadas de negatividade e assim conseguimos trabalhar, estudar, em fim por nossas responsabilidades em exercício convivendo harmonicamente dentro do possível. Haja mantra e meditação pra suportamos certas coisas, mas tem hora que não dá pra bater a porta e sair, portanto é preciso que tenhamos calma e sabedoria para nos mantermos saudáveis mesmo diante do caos.

Não costumamos chorar na frente de qualquer um, consequentemente há muita mágoa guardada e quando escutamos alguns mantras o choro guardado vem pra superfície. Escutar um mantra mexe com nossas questões mais profundas, ele desnuda nossas dores colocando-as expostas para que possam ser curadas. O mantra é como um colo de mãe que nos acolhe sem julgamento. Pode notar que ao começar escutar você não terá dificuldade ou vergonha de perguntar por que chorou ao escutá-lo. A busca pelo entendimento do que sentiu é o começo do processo. 

Caso tenha escutado um mantra e tenha sentido dor de cabeça, tido pesadelo, dor no peito, entre outros sintomas sugiro que leia o salmo 91 pedindo que as “forças contrárias” se afastem da sua vida. Indico também uma pausa de dois dias e que dê mais uma chance a si mesmo de continuar o processo de desenvolvimento através dos mantras e ai diante do que lhe for apresentado você escolhe continuar ouvi-los ou não. Há problemas emocionais e físicos que não estamos preparados para encontrar o caminho de “cura” sozinho, assim como os problemas espirituais, por isso procure sempre fazer uma consulta diagnóstica com um profissional capacitado. Os mantras são nossos aliados nos processos mencionados, mas existem outros caminhos em prol de nosso despertar espiritual assim como de nosso bem-estar e no movimento da nossa tentativa em acertar vamos encontrando nossa estrada. Por: Cigana Mah 🌷

Mantra Auxiliar no processo de afastamento das forças contrárias. 


Esse mantra é um verdadeiro chamado, um clamor ao Supremo, à força mais poderosa que existe para que nos ajude a dissipar definitivamente as forças contrárias que bloqueiam nossa capacidade de reagir perante aos acontecimentos que bloqueiam nossa vida como um todo. Não importa se seu problema é no âmbito profissional, amoroso, financeiro, etc. se houver algo negativo empatando sua vida de fluir normalmente e positivamente essa energia negativa será dissipada. 

A letra é “Kodoish, Kodoish, Kodoish Adonai Tsebayoth” e em uma tradução aproximada significa: Santo, Santo, Santo é o Senhor, Soberano do Universo. Kadoish é um dos nomes de Deus no sistema filosófico-religioso judaico Kabbalah. Esse é um mantra que pode ser utilizado como um tratamento holístico de 21 dias como também recitado em momentos onde a pessoa sentir que está na presença de uma energia negativa, pois ele é um verdadeiro escudo. Para escutá-lo acesse nosso canal no youtube. 

Benefícios do Mantra Kodoish: Afastar energias negativas, dissipar forças contrárias, vencer demandas, desfazer feitiços, afastar eguns e encostos, afastar espíritos de baixa vibração, afastar pessoas com má intenção e consequentemente abrir os caminhos para emprego, amor, financeiro, harmonia familiar etc. 

Há uma “lei contrária” que age quando começamos a nos cuidar espiritualmente, deste modo indico para um aprofundamento sobre isso o filme Kardec disponível para assistir na Netflix. 

Sugiro o o filme "Kardec: A História por Trás do Nome" inclusive para pessoas que por algum motivo escolhem todos os dias serem intolerantes com as crenças alheias e também para aqueles que mesmo compartilhando de crenças semelhantes encontram-se sem percepção por alimentarem sentimentos de baixa vibração como a inveja e o ódio para que compreendam que esse tipo de comportamento obedece às “leis contrárias” a tudo que indica o caminho da evolução espiritual. Quem persegue aquele que está seguindo sua missão bloqueia o próprio caminho.

Um texto é pouco para suprir as dúvidas de todos, mas neste procurei tratar sobre perguntas mais frequentes, caso necessite de um aprofundamento maior sobre esse assunto agende um horário particular és bem-vindo. Para conhecer mais sobre o trabalho que a Consultoria Intuitiva Astral Cigano desempenha acesse a aba atendimento particular aqui no blog. 

Autoria: Cigana Mah 🌷
_________________________________________________
Oráculista na Consultoria: Astral Cigano


Atenção: É imprescindível que o diagnóstico de um problema emocional deva ser dado a priori por um médico convencional especializado nessa área. Nosso blog trata dos mais variados assuntos através de uma abordagem espiritual fundamentada nos conhecimentos ciganos, entretanto jamais substituem qualquer tratamento médico. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo