Libertação e Resgate Kármico Amoroso


Olá, meditadores! Bem-vindos sempre!


Hoje, nós vamos trabalhar questões relacionais de ordem kármica e nossa companhia espiritual será a mentora da nossa Tsara a Cigana da Praia. Antes de começar a meditação opte por está num local tranquilo, onde de preferência não hajam interferências, principalmente, iniciantes no processo meditativo precisam dessa ambientação para conseguir “silenciar” a mente. 

Reflexão Canalizada para Quebra de Kárma Relacional


Todos nós nascemos com uma âncora e ela quem dita nosso destino. Viemos a esse plano com uma missão que está atrelada aos nossos pais. A âncora é desatracada, mas o sangue permanece e ele determina muito do que somos. Quando não aceitamos de onde viemos brigamos com nossa essência e isso resulta em problemas que vão se repercutir em toda nossa troca relacional com os outros. Não somos nossos pais e o corte do cordão umbilical nos permite a liberdade, porém a cicatriz é a lembrança que temos uma referência. 

Eles foram nosso portal para vinda a essa dimensão e isso não pode ser ignorado. Saibam: O respeito é uma luz que abre vários caminhos. Se você está passando por um problema em seu relacionamento olhe de onde veio, observe como está o seu porto e ainda que este não lhe passe segurança não pode ser desprezado, embora não queira aproximação tenha consideração. 

Há pais que nem sempre conseguem enxergar seus filhos com uma maturidade necessária para a vivência fora de sua proteção e isso acaba, muitas vezes, tornando-os cativos de seus medos. Outros enxergam seus filhos como verdadeiras pedras que encalharam suas vidas. Alguns vão embora deixando seus filhos sem compreender porque foram submetidos ao abandono emocional. Aqueles que deveriam acolher, educar, amar e proteger muitas vezes têm atitudes contrárias a essas tornando o convívio abusivo. Existem marcas que a distância não apaga. Há pais que ferem e por mais cedo que o vínculo tenha sido cortado há o que precisa ser curado. 

Há coisas que não podemos mudar e isso é uma delas: nossos pais serão pra sempre e sendo assim emanem luz e amor em direção aos mesmos, esse é o princípio da quebra dos carmas e consequentemente a porta da cura que você precisa entrar dê inicio: 

Meditação Cigana de Libertação Kármica.

Queridos pais agradeço a oportunidade da encarnação.
Amor. Gratidão. Luz. Amor. Gratidão. Luz.
Pai, obrigado pelo que minha humanidade é incapaz de perceber. 
Amor. Gratidão. Luz. Amor. Gratidão. Luz.
Mãe, o elo que existe entre nossos ventres é eterno e eu referencio. (junte suas mãos em forma de oração e abaixe a cabeça em reverência). 
Amor. Gratidão. Luz. Amor. Gratidão. Luz. 
A sua forma de enxergar-me não limita mais o meu progresso.  
Amor. Gratidão. Luz. Amor. Gratidão. Luz.
Permitam-me conhecer outras pessoas e atracar em outros portos. 
Amor. Gratidão. Luz. Amor. Gratidão. Luz.
Mergulho nesse momento no autoamor e levanto-me dessa água purificado (a) com o compromisso de amar-me cada vez mais. 
No meu rastro deixo flores sem espinhos. 
Eu me liberto. Estou Grato (a). Estou pronto (a). Estou aberto (a). 
Minha vida entra em movimento e agora o amor do outro pode e vai chegar. 

Canalizado dia 20.02.2019 





Antes de começar a meditação ouça o mantra, pois ele criará uma atmosfera de paz para conexão com o plano espiritual. Ao recitar ou mesmo ouvir o “Mangalacharan Mantra" também conhecido popularmente por “Aad Guray Nameh” você estará referenciando a sabedoria suprema, ou seja, aquela que vem dos seres que alcançaram a iluminação. O mantra vai ajudar a clarear sua mente, você conseguirá enxergar a origem dos problemas que se instalaram na sua vida no contexto amoroso, vai conseguir compreender que nada foi ou está sendo por caso, como também quais foram suas atitudes que arraigaram o problema e principalmente os meios de libertação. Nem sempre é fácil nos desvincularmos de coisas, situações e pessoas as quais nos submetemos indignamente por muito tempo, mas o mantra, a visualização criativa, junto com a meditação que a mentora espiritual da astral cigano nos passou trará discernimento sobre como e quando tomar as atitudes que libertarão você desse ciclo kármico.

Letra do mantra: Aad guray nameh / Jugaad guray nameh / Sat guray nameh / Siri guroo dayv-ay nameh.

Opcional: Para atrair a egrégora da Cigana da Praia: no momento da meditação acenda duas velas sendo uma branca e a outra azul clara colocando entre elas uma pedra de água marinha de qualquer tamanho. O mantra, a oração e as afirmações positivas irão energizar o cristal. Depois você poderá utilizá-lo como um amuleto de proteção. Cigana Mah preciso lavar o cristal antes? Sim, pois ele passou por varias mãos até chegar a você. Lave-o preferencialmente na água do mar, mas na falta desta lave-o em água mineral. 

Pra quem essa meditação é direcionada? 

Pessoas com dificuldade de ter ou manter um relacionamento.

Selecionei 11 sintomas que podem identificar um problema kármico no campo amoroso. 

  1. As pessoas chegam até você, mas a relação não passa de um envolvimento superficial. Você cria expectativas, mas se decepciona.
  2. Você está numa relação duradoura no que diz respeito ao tempo cronológico, mas sente que vive uma farsa perante família, amigos em fim diante principalmente dos mais próximos. Mesmo sabendo que não há amor, mesmo o outro já tendo verbalizado o descontentamento com a relação você não consegue se desvincular e permitir que o outro vá viver sua própria vontade. 
  3. Sabe de traições se expõe a situações indignas como ficar atrás das pessoas que o parceiro está mantendo aproximação, consegue que se afastem, mas logo o pesadelo recomeça porque surgem outras pessoas. 
  4. Você sente e não entende porque a família do seu cônjuge prefere que a relação acabe e enxerga as atitudes que os mesmos têm em prol de lhe desmerecer como pessoa. 
  5. A relação começa bem, mas acaba descobrindo que a pessoa esconde coisas: vícios, problemas psicológicos, doenças, problemas judiciais, filhos ou é casado (a).
  6. As pessoas saem da sua vida sem dizer o porquê, não colocam um ponto final e isso acaba gerando falsas esperanças de uma volta. 
  7. Sempre que aparece alguém interessado você compara com a relação anterior. Busca na nova pessoa um comportamento parecido e isso acaba não fazendo você enxergar as qualidades que este ou esta possui. 
  8. A cor da pele, as escolhas políticas, crenças religiosas, o tipo físico, a condição financeira e etc. são critérios, obstáculos e metas para deixar alguém entrar em sua vida. 
  9. Você pensa no julgamento dos outros. Já deixou de dá uma oportunidade a alguém por imaginar que iriam lhe achar fracassado (a). 
  10. Você mora com seus pais ou mesmo com filhos de outros relacionamentos e eles não te enxergam mais como uma mulher ou um homem. Você se priva em prol deles. 
  11. A cada aniversário você se deprime mais por achar que a idade é um obstáculo para se resolver no quesito amoroso e esse pensamento limitante gera em você um sentimento de pressa, ansiedade e desespero que te levam a depositar no primeiro que aparece a obrigação de ter que dá certo. É duro admitir eu sei, mas isso te levou a atitudes que você sente pena de si mesmo e muitas vezes não se reconhece.
REFLITA

Em qual dessas questões seu âmbito amoroso atualmente se enquadra? Independente de qual reflita sobre o que pode ser feito e que cabe a você tomar uma atitude. Que preconceitos você precisa vencer? Quando você vai parar de pensar no que os outros irão dizer diante de suas decisões? Quando você vai colocar barreiras saudáveis de convívio para que todos percebam o limite em palpitar sobre sua vida. Desperte para o fato de que ser pai ou ser mãe não anula sua feminilidade ou sua masculinidade. 

Geralmente as pessoas quando começam a escutar um mantra querem uma data para que o problema se resolva. Pessoal, se vocês precisaram reencarnar para um resgate kármico ou mesmo para cumprir uma missão que está correlacionada ao âmbito amoroso não ache que tudo se resolve ou acontece magicamente. 

Os mantras criam uma atmosfera que não temos 24 horas por dia eles nos ajudam a sair do modo automático possibilitando nossa conexão com o plano espiritual. Se vocês pudessem vê a egrégora de luz que se aproxima quando escutamos ou recitamos um mantra ficariam maravilhados. 

Nem sempre o problema é kármico, mas mesmo que seja há uma maneira de nos desvincularmos disso. O cumprimento de nossa missão nessa dimensão depende da quebra de um ciclo que nos faz cativos de uma vida sem dignidade, amor-próprio, paz e alegria. Se não está te fazendo feliz é o caminho errado, mas lembre-se: caminho não é só onde você pisa é principalmente como você se comporta.

Autoria: Cigana Mah 🌷
_________________________________________________
Oráculista na Consultoria: Astral Cigano

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Ao compartilhar cite a autoria.

3 comentários

  1. Muito verdade.sinto estas palavras no meu corpo como verdade.

    ResponderExcluir
  2. Sinto que começo a me libertar de todo o meu passado.

    ResponderExcluir
  3. Eu aceito e me liberto daquilo que impedi minha paz espiritual e minha felicidade conjugal. Perdoo, aceito e tenho gratidão.

    ResponderExcluir

Topo